out
10
2013

Deu a largada

O revólver foi erguido, puxou-se o gatilho, estourou. Corram se não morrem! Ops! Voam se não morrem. Os pássaros apavorados entram na disputa fatal, ambos lutam pela vida, todos querem novos dias, por isso desviam dos obstáculos, passam longe dos precipícios. Um pipoco de um projétil que representa o momento da largada em uma corrida neste exato instante indica acertar o alvo. Qual sairá vencedor: aquele que chegar primeiro, ou o que chegar com vida? Por mais que voam cedo ou tarde baterão as suas delicadas asas a outras paragens. Mas deixar este paraíso antes da hora, só se não tiver jeito, o que for preciso para estender a permanência o ser tem por obrigação de fazê-lo. Por isso, se precisar correr, se precisar nadar, se precisar voar para preservar a vida, não tenha duvida, use toda a sua força e seu conhecimento para tocar o barco para um pouco mais adiante na tentativa de vislumbrar um novo horizonte.

Deixe um comentário usando sua conta do Facebook




Deixe um comentário usando o Formulário do Site